Rodízio de pilherias

DSC038861Os amantes da praxe comportam-se como alarves num restaurante de rodízio, queixam-se do tamanho da faiança, pena não haver alguidares para comer.

A cultura do crime, bolha protectora feita de silêncio e cumplicidade, os séculos de tradição transformados em alarvidade impune nos Institutos, Escolas Superiores e Privadas aliaram-se aos sentimentos de maximização da experiencia(já que estou a pagar vai ser até rebentar).

Esses amantes da praxe, estimo bem que se forniquem!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s