Simplesmente não aspiram reconhecimento, aspiram a ser odiados

Uma curiosa sensação, misto de asco e nojo, tomou conta de mim ao zappear ociosamente entre canais de televisão,  passei por um programa de realidade estruturada onde um bando de inacreditáveis idiotas discutiam assuntos. Uso o termo “inacreditáveis idiotas” por um bom motivo, não acredito que eles existam, o seu nível de idiotice é difícil de aceitar ao nível Humano. Teria mais hipóteses de ter uma conversa decente com uma laringe costurada na ponta do rabo dum porco e lhe perguntasse se tem ido ao cinema ultimamente.

Eles comunicam com expressões faciais e peidos, um uivo ocasional de raiva estrategicamente jogado para dar uma aura de autoridade, como um trolha que sobriamente abre um buraco numa parede antes do almoço. Eu já estive nos arrabaldes de Lisboa e de maneira alguma eles podem ser de lá. São do espaço, profundo, feitos de algum tipo de carne sintética que grosseiramente se disfarça doutras formas de vida. Não vou julgá-los pelo conteúdo de seu caráter, teria de revolver demasia bosta para lá chegar, vou julgá-los pela cor da pele, que é terracota, principalmente, para além das pálidas. Eles têm etícas esculpidas, gravidade esculpida, autoridade esculpida e tanto quanto posso afirmar, sem poros na pele. As sobrancelhas depiladas torna-os 5% mais rápidos a formar um rancor.

O argumento profundo em televisão é transmitido como o material de cariz sexual com penetração, só permitido para contexto educativo,  equivalente a um par de bisontes com o cio num programa de vida selvagem, mas menos romântico. A camara afasta-se um pouco para os preliminares, há um monte de edredons tremulos e no fim soltam um despeito qualquer. A sensação curiosa do início, percebi que talvez precise desta gente. Talvez esteja tão zangado, desiludido e confuso, que precise dum monte de gente para olhar  e desprezar. Não fossem eles e outros como eles, já teria morto os vizinhos a varapau.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s