PPP – Punição, Pagamento, Prevenção

A 28 de Junho de 1919, o ministro alemão dos Negócios Estrangeiros Brockdorff-Rantzau entrou no Salão dos Espelhos do Palácio de Versailles para assinar o Tratado de Paz com a França, Inglaterra e  Estados Unidos da América. O acordo final acabou por ser mais duro do que a delegação havia imaginado. O primeiro-ministro francês Clemenceau impô-lo baseado na premissa: «a Alemanha era a única responsável pela Guerra», o tratado de paz plasmou no papel os princípio “Punição-Pagamento-Prevenção “.

A responsabilidade exclusiva da Alemanha foi o aspecto mais debatido pela sociedade alemã. Em Inglaterra Keynes mostrou-se desapontado e avisou para o perigo que o pacto implicava, a prevalência do realismo e do cinismo sobre solidariedade moral e por consequência económica. Dum lado e de outro, as certezas baseadas na incapacidade da interpretação de responsabilidades, dependeram não só de factores internos mas também de contradições externas.

«Scotch Whisky can be taken at the strength and in volume best suited to the individual constitution, the time and the climate.» Sábias palavras

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s