Untranslatable

rua
      torta

                       lua
                             morta

                                              tua
                                                    porta.


Basil Hatim and Ian Mason in Discourse and the Translator  wrote “In this short poem, phonemic form is everything, the words themselves are evocative: a small town with ‘winding streets’ (rua torta), a ‘fading moon’ (lua morta) and the hint of an amorous affair: ‘your door’ (tua porta). But their impact is achieved almost solely through the close rhyme and rhythm; the meaning is raised from the level of the banal by dint of exploiting features which are indissociable from the Portuguese language as a code.

Valentín García Yebra, spanish philologist and translator, in his 1983 book En Torno a la Traducción relates that he gave up the attempt to translate the poem even into Spanish, a language which shares certain phonological features with Portuguese.

Cassiano Ricardo wrote “Serenata sintética” in 1957. Simple yet untranslatable.

“You have enemies? Good. That means you’ve stood up for something, sometime in your life.”

the_three_stooges_salute_wallpaper_0l5zu

In December 1922 the travel book “Alexandria” by E.M. Forster was published, shortly after the author received a regretful letter from the publisher. There had been a fire in the warehouse and the entire edition had been burned. Fortunately, it had been insured, and they got a substantial check in compensation. A few weeks later Forster received another letter from the publisher, the books had been found intact, in a cellar which had escaped the flames. This created an awkward situation because of the insurance money and they had taken the only way out, they burned the books deliberately.

No evidence of direct Russian involvement in MH17
. Russia supplied air defense systems to the separatists and sent crews train them. Putin moved from being an effective, sophisticated ruler who ruthlessly uses power to being a dangerous incompetent supporting a hapless insurrection with inappropriate weapons. MH17 likely shot down by pro-Russian rebels by accident.

European political experts think a strong neighbourhood policy and a new European sphere of influence that will provide more security in Europe. Not only airlines are at risk, also merchant ships in the Red Sea and the Strait of Gibraltar, Europe should take the lead in the battle against the uncontrolled proliferation of missiles, a convention about anti-aircraft missiles should be agreed with regional powers.

E o Jesus é o Diogo Morgado

santa-claus3O Pew Research Center, realizou um estudo onde sugere que a exposição à religião tem um forte impacto na distinção entre realidade e ficção. Estudaram 66 crianças americanas(nuff said). As crianças expostas à religião tinham mais dificuldades em classificar as personagens de histórias fantásticas como sendo a fingir, as crianças catequizadas eram significativamente menos capazes de associar animais falantes à ficção.

“O ensino religioso, especialmente a exposição a histórias de milagres, criam nas crianças uma maior receptividade ao impossível, uma aceitação de que o impossível pode acontecer e desafiar a ordem comum”.

Eu juro que já ouvi um papagaio a piar umas palavras e também vi o Brasil a  levar 7 da Alemanha. Juro! :)

Verrinosa Fluorite

H2FSbF6José Rentes de Carvalho, no Tempo Contado:

É um raivoso daqueles que os ataques de raiva tornam cómicos, porque então de facto rebola os olhos, espuma da boca, todo ele estremece como se sofresse da dança-de-são- vito.
A mola forte da sua raiva é a inveja. Inveja do talento alheio, do sucesso que queria ter e não alcança, o reconhecimento dado a este e aqueloutro e que esperava seu.
Tem por meta o proveito, e tão fanático se torna a querer alcançá-lo de qualquer maneira que não poupa o esforço, a ponto de, fisicamente, ganhar o aspecto dos rafeiros que, exaustos e sequiosos, vão pela berma dos caminhos.
Para um qualquer em seu juízo bastaria o talento que Deus lhe deu, mas a ele não contenta: quer esse, mais o do vizinho, e também o que o Altíssimo, por distracção, esbanjou nos figurões que lhe fazem concorrência, os mesmos que, sem parar, recebem prémios, benesses e louvores.
Consegue o milagre de contrair os maxilares quando fala, resultando daí que as palavras que articula parecem voluntariamente sibiladas, como para melhor condizerem com o chispar dos olhos.
Lá dentro, lá no fundo, deve ter também boas qualidades, por certo conhece momentos de devoção e altruísmo. Infelizmente, só se vê dele o que não consegue esconder.